Dor de dente: o que pode ser?

Grande parte da população, adultos e crianças, é acometida diariamente por dor nos dentes. Por definição, a dor de dente é um incômodo produzido pelas terminações nervosas dentárias e pode ser indicativo de problemas de saúde mais graves.

O desconforto pode variar de leve a severo e prejudicar até as tarefas mais simples do dia-a-dia. Quem sofre com dor de dente pode sentir incômodo extremo, inclusive dificuldades para falar e mastigar.

Possíveis causas

Considerada por muitos como “uma das piores sensações possíveis”, a dor de dente pode ter causas variadas. Ela pode ser provocada por hipersensibilidade dentária ou até mesmo indicar problemas bucais mais graves.

A cárie profunda é uma das origens mais comuns do problema. Contudo, restaurações mal adaptadas, bruxismo, dentes do siso nascendo, pancadas na boca e até restos de alimentos nos dentes também podem gerar a dor. O incômodo pode ser ainda resultado de acidentes ou lesões em locais próximos aos dentes.

Tratamento

A dor de dente é sempre um indicativo de que algo não está bem com a saúde oral. Portanto, não é normal senti-la, mesmo que seja fraca. O primeiro passo a seguir quando o desconforto aparecer é procurar um profissional habilitado para diagnosticar o problema e, então, realizar o tratamento mais adequado.

Os procedimentos para eliminar a dor irão variar de acordo com sua causa. Podem ser feitas orientações quanto à higiene oral, limpeza dos dentes, o uso de medicamentos que aliviam a dor e até mesmo intervenções cirúrgicas, quando necessário.

Existem também algumas soluções para amenizar o sofrimento, enquanto a consulta com o dentista não ocorre de forma imediata. Realizar bochechos com água morna e sal, compressas com gelo e uma higiene bucal adequada são alguns dos aliados indicados até que seja realizada a intervenção profissional adequada.

Importa ressaltar, porém, que soluções caseiras e até mesmo o uso de medicações não substituem a visita ao dentista. Qualquer perturbação à saúde bucal deve ser investigada e tratada o mais rápido possível por um profissional capacitado, pois, por menor que seja o desconforto, pode ser indicativo de algo mais grave.

Prevenção da dor de dente

O melhor tratamento é sempre a prevenção e, com a saúde bucal, não é diferente. Portanto, a melhor maneira de evitar as dores dentárias é manter a cavidade oral saudável. Mesmo após o alívio dos sintomas, o acompanhamento periódico profissional é necessário para que o problema não volte a ocorrer.

Escovar os dentes adequadamente após as refeições, manter uma alimentação equilibrada, utilizar fio dental, enxaguante bucal e visitar o dentista regularmente, são algumas das formas de se manter livre de possíveis problemas dentários.

A saúde é um dos bens mais preciosos do ser humano. Medidas básicas, como a alimentação saudável e a boa higiene bucal significam respeitar o corpo e a mente e, assim, garantir uma qualidade de vida digna e muito mais agradável.

Você já precisou passar por um tratamento dentário como extração de dente ou tratamento de canal? Compartilhe sua experiência conosco nos comentários e o que você tem feito para prevenir outros incômodos.

Confira em nosso site os melhores produtos para cuidar da sua higiene oral.

Deixe uma resposta